:: CAMPEONATO ::

Domingo tem Paraisópolis abrindo a rodada e clima de festa no último jogo

Seleção de uma das maiores favelas do estado consegue avançar nos pênaltis e torcidas da partida que fechou a rodada agitam o Pelezão Larissa Santos e Michel Henrique da Graça*

A seleção de Paraisópolis não saiu do zero a zero, mas conseguiu avançar nos pênaltis depois converter 9 cobranças. A grande festa ficou para o fim do dia, com as torcidas de Complexo Jardim Santo Eduardo e Complexo Vila Izabel marcando presença em jogo que fechou a quarta rodada. Confira como foi cada jogo, pelo torneio organizado pela Central Única das Favelas (CUFA) e produzido pela InFavela.

Morro do Empirio 0(8) x (9)0 Paraisópolis

O primeiro tempo foi de poucas oportunidades claras de gols, com um jogo brigado no meio campo. Mas o segundo foi diferente, já que cada equipe acertou a trave duas vezes, mas ainda assim o jogo não teve gols e precisou ir para os pênaltis, para decidir quem avançaria de fase no maior campeonato de futebol entre favelas do mundo.

Nos pênaltis, o que não faltou foi gol. Em 18 cobranças batidas, só uma não foi convertida, a que deu a vitória para o Paraisópolis por 9 X 8.

Jardim Carombé 1 x 0 Complexo Elisa Maria

O Elisa Maria finalizou bastante, porém o goleiro da equipe, Kayke Trajano, também salvou vários chutes. Mas perto do fim do jogo, após chute do meio do campo, o goleiro deu o rebote e Gabriel Nascimento estava lá para fazer o único gol da partida e classificar o Jardim Carombé para próxima fase.

Complexo da Alba 1 x 2 Arábia City

Jogo intenso no Pelezão.

Lucas Felipe abriu o placar com um golaço, com tempo de ajeitar e meter um chute de longe. Felipe Lima também marcou aumentando a vantagem para o Arábia City. O Complexo da Alba não desistiu do jogo e foi para cima, e mesmo com um a menos, Daniel Henrique marca um golaço de falta próximo da linha do meio campo para diminuir o placar, mas não foi o suficiente para a equipe avançar de fase.

Favela do Jardim Sinhá 4 x 1 Jardim dos Francos-Brasilândia

Um jogaço com duas boas equipes, porém o Jardim Sinhá se mostrou mais eficiente na frente do gol.

O primeiro gol veio depois de uma confusão na área e João Vitor desviou a bola para Luiz Gabriel marcar. O segundo, de falta com o Diogo Oliveira e Kelvin Luiz apareceu para fazer 3 a 0. Jardim dos Francos-Brasilândia descontou com cobrança de escanteio do João Carneiro e Maurício Gustavo acertando de cabeça.  O Jd. Sinhá ampliou depois de Diogo Oliveira marcar de novo, mas dessa vez de pênalti. Por mais que o placar tenha sido goleada, a equipe de Brasilândia não deixou de mostrar habilidade.

Favela Parque Novo Santo Amaro 0 x 3 Buraco do Sapo

Começo de jogo estudado. Após cobrança de lateral de David Fogaça, Eduardo Lucas marcou o gol de cabeça, com isso o time começou a ganhar corpo para buscar a classificação. Wendell aproveitou o lançamento de bola parada para fazer o segundo e, para decretar a vitória, Eduardo Lucas volta a marcar jogo, que termina em 3 a 0.

Favela Vila Natal 1 x 0 Favela da Vila Albertina

O jogo teve poucas boas chances de gol, geralmente com as finalizações acontecendo com uma certa distância. O gol veio em uma falta próxima a área, Kauê de Souza botou curva na bola, que passou rasteira pelo lado da barreira e entrou no canto, classificando a Vila Natal para próxima fase.

Favela do Guarani 0 x 2 Complexo Parque Novo Mundo

Kaique Silva, camisa 10 do Pq. Novo Mundo, fez uma excelente partida, movimentou bem e deu bons passes. Foi ele quem driblou pela direita, chegou à linha de fundo e deu assistência para Fellipe Bergue marcar. No segundo tempo, Júlio Cesar aproveita vacilo da defesa adversária e toca para Guilherme Alves cravar.

Complexo Jardim Santo Eduardo 0 x 2 Complexo Vila Izabel

Festa bonita de ambas torcidas, mesmo no pós jogo. Em um lançamento pela esquerda, Lucas Daniel acerta o Raul Thierry para abrir o placar para o Vila Izabel. O segundo gol foi marcado por Matheus Soares. Raça foi o que não faltou para as duas equipes no jogo em que fechou a rodada do dia 07/08.

 

A Taça das Favelas São Paulo 2022 conta com patrocínio master de Uber, Bet Nacional e Real Cestas, patrocínio da Gol, Vai Voando, Vale Refeição, Assaí e Comunidade Door, apoio do Governo do Estado São Paulo e da Prefeitura de São Paulo, e promoção da Rede Globo, Sportv e Rádio Transcontinental.

*Voluntário sob supervisão da assessoria de comunicação da CUFA

Foto: Nal Pacheco
Foto: Nal Pacheco
GOSTOU? COMPARTILHE
WhatsApp
Facebook
Twitter
Telegram
MAIS NOTÍCIAS
Em Mato Grosso, o Sebrae é um dos parceiros da Expo Favela Innovation 2024, que será nos dias 7 e 8 de junho no Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá
Com presença confirmada de Celso Athayde, a Cufa Global dá início a conferências em mais de 40 países, além do Brasil , com foco nas prévias para o G20 no Brasil
O evento também marcou a retomada dos trabalhos da Cufa Colíder.
Anderson Zanovello, coordenador geral da Taça das Favelas de Mato Grosso, destacou também a importância da reativação da Cufa Colíder.
O seminário deve atrair ainda lideranças da Cufa/MT em Alta Floresta, Sorriso, Sinop, Peixoto de Azevedo e Marcelândia, que são de interesse para a expansão da Taça das Favelas em Mato Grosso
Em Mato Grosso, o Sebrae é um dos parceiros da Expo Favela Innovation 2024, que será nos dias 7 e 8 de junho no Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá
Com presença confirmada de Celso Athayde, a Cufa Global dá início a conferências em mais de 40 países, além do Brasil , com foco nas prévias para o G20 no Brasil
O evento também marcou a retomada dos trabalhos da Cufa Colíder.
Anderson Zanovello, coordenador geral da Taça das Favelas de Mato Grosso, destacou também a importância da reativação da Cufa Colíder.
O seminário deve atrair ainda lideranças da Cufa/MT em Alta Floresta, Sorriso, Sinop, Peixoto de Azevedo e Marcelândia, que são de interesse para a expansão da Taça das Favelas em Mato Grosso
Taça das Favelas 2023 terminou no sábado (13) no Estádio do Canindé, em São Paulo